ethereum eth

Preço do Ethereum dispara e ultrapassa os $300

O preço do ETH, a criptomoeda nativa do Ethereum, ultrapassou os US$ 300 hoje para atingir os recordes de dez meses.

A segunda maior criptomoeda do mundo por capitalização de mercado ultrapassou os $300, e está sendo cotada agora a US$ 309 (22/06) – um nível visto pela última vez em 19 de agosto de 2018.

Dica: aprenda como lucrar com criptomoedas todos os dias

Lucro de 100%

O ETH mais do que dobrou este ano, com o preço atualmente registrando mais de 260% de ganhos na baixa de US$ 82,00 vista em dezembro. O preço, no entanto, ainda está em queda de 78% em relação ao recorde de US $ 1.431 registrado em janeiro de 2018.

Dica: aprenda como lucrar com criptomoedas todos os dias

O Ethereum que já havia atingido $1400 ano passado, se recuperou de sua última grande baixa, em $82. Por outro lado, o BTC recuperou mais de 40% da queda do mercado bear e está sendo negociada atualmente em uma alta de 15 meses, por volta de US$ 10.800 (22/06).

O Ethereum vai continuar subindo?

Olhando para o futuro, o ETH parece pronto para sustentar e estender o rali de alta em andamento, já que os gráficos técnicos estão extremamente otimistas.

ethereum eth

Coinbase bate recorde de negociação de ETH em quase $1 bilhão

O volume de negociações semanais para a segunda maior criptomoeda do mundo por valor de mercado, a Ethereum (ETH), alcançou seu maior valor em mais de 17 meses na popular bolsa Coinbase.

Nos dois mercados ETH mais populares da Coinbase, ETH/BTC e ETH/USD, um total combinado de 3.675.570 unidades da ETH mudou de 13 de maio para 19 de maio, que aos preços atuais de mercado (US$ 246) tem um valor nocional de mais de US$ 904,1 milhões – seu maior total em uma semana desde 11 de dezembro de 2017, de acordo com dados do TradingView.

Se o volume de negócios dos mercados ETH/GBP, ETH/EUR e ETH/USDC da Coinbase forem adicionados à mistura, um total de 4.271 milhões de ETH movimentou-se nesse período de 7 dias, atividade que valia mais de US$ 1,05 bilhão a preços correntes de mercado.

Investidores de varejo entraram no mercado de criptos

O forte retorno do volume de negociações durante uma semana em que os preços da ETH subiram 37% (valor em dólares) indica que o rally pode ser sustentável e que os investidores de varejo entraram novamente nos mercados de criptomoeda depois de meses de juros em queda.

O reconhecimento de marca da Coinbase está entre os mais fortes do setor de exchange de criptomoeda, já que a avaliação e o status de US $ 8 bilhões como a maior exchange baseada nos EUA fazem dele um destino primário para investidores e comerciantes que desejam exposição rápida e segura ao mercado.

Curiosamente, aumentos de volume semanais dessa magnitude na Coinbase precederam avanços mais significativos no histórico de preços da ETH.

Desde o final de 2016 e não incluindo a semana passada, o volume de comércio semanal combinado dos mercados ETH/USD e ETH/BTC da Coinbase ultrapassou os 3,13 milhões de ETH apenas 4 vezes e nas seis semanas após o aumento do preço do ETH em 87,1, 91,3, 54,6 e 67,1 por cento, respectivamente.

Dito isso, a ETH não foi a única criptomoeda a ter um crescimento notável na semana passada. Bitcoin (BTC), a única criptomoeda maior que a ETH por valor de mercado, subiu 17% no preço e subiu para uma alta de 42 semanas de US$ 8.388.

No total, o valor do mercado mais amplo de criptomoedas registra agora US$ 242,4 bilhões, um aumento de 91% em relação ao início do ano, segundo a CoinMarketCap.

valor mercado criptomoedas

Entenda porque valor de mercado não é um indicativo de sucesso

As palavras de Joseph Luben, co-fundador da Ethereum, encapsulam elegantemente o atual cenário sobre o desenvolvimento da tecnologia Blockchain.

Muitas pessoas pensam que o limite de mercado é uma indicação do sucesso de uma plataforma, mas as pessoas que pensam assim estão muito enganadas

Blockchain não é só mercado, é um movimento que está mudando a sociedade

Os chamados especialistas em criptomoedas usam números de limite de mercado (marketcap) como uma indicação de quão bem uma moeda está indo. Os gráficos de mercado mostram apenas o quanto as pessoas estão dispostas a pagar pela moeda (preço). Muitas vezes, as pessoas que estão investindo o fazem com base em uma projeção futura, uma ideia, uma visão. Eles geralmente não estão investindo em ecossistemas comprovados. Os gráficos do mercado de criptomoedas não mostram quanto uma plataforma está realizando no mundo real.

Por exemplo, o Ethereum não é o número 1 em valor de mercado, mas o Ethereum é claramente um líder em atividade. Como Luben diz, “valor de mercado não reflete a atividade. As redes descentralizadas estão crescendo ”. Para esclarecer seu ponto, Luben cita os seguintes números na plataforma da Ethereum:

  • 10 bilhões de solicitações diárias de API para o Infura (porta de entrada para a rede Ethereum);
  • 1 milhão de downloads Truffle (ferramentas para construir contratos inteligentes Ethereum);
  • 1 milhão de downloads Metamask (extensão para acessar o Ethereum habilitado Dapps)
  • 12.000 nós do Ethereum no ar, 24 horas, sem parar
  • 48 milhões de endereços únicos do Ethereum criados

Quantas outras plataformas podem reivindicar esses números de adoção?

O Ethereum mostra traz a tona outras aplicações na área de Blockchain. Para fazer isso, Luben lista uma série de aplicações do mundo real que a comunidade Ethereum está construindo atualmente. Abaixo estão alguns exemplos:

“Os blockchains estão resolvendo problemas do mundo real”, diz Luben. Com…

  • Substituição dos cartórios por autenticação em blockchain (OriginalMy)
  • Sistema de mensagens criptografadas de Israel
  • Estudos de registro de saúde eletrônica na Estônia
  • Iniciativa de Cidade e Governo Digital de Dubai para 2020
  • Teste do Banco da Reserva da África do Sul
  • Sistema de votação eletrônica do Japão
  • Caixas eletrônicos de criptomoedas
Joseph Lubin Ethereum

Blockchain é a “nova Internet”

Blockchain segurança

Há muita coisa acontecendo na “criptoesfera” que a pessoa média sabe pouco ou nada sobre. Eventualmente, será inevitável, porque o blockchain vai assumir mercados e interações sociais. Ele será incorporado ao backend de quase tudo que fazemos, da mesma forma que a internet se tornou incorporada em nossas vidas. Blockchain será adotado em uma base mais ampla por causa da baixa barreira à entrada. Para acessar o blockchain, todas as necessidades do usuário final são apenas um smartphone. E os telefones estão literalmente em toda parte e nas mãos de quase todos. No momento, podemos compartilhar informações com qualquer pessoa conectada na Internet.

Não deixe ninguém lhe dizer quem será o futuro vencedor do mercado. As regras antigas não se aplicam a esse novo modo de operação. Na economia do futuro, haverá novos indicadores de sucesso. O tamanho e a atividade das comunidades serão o fator decisivo.

Bitcoin e Ethereum atualmente têm as maiores comunidades por trás deles. Não há outras moedas que tenham a mesma comunidade de tamanho … pelo menos não ainda. Ninguém sabe qual moeda/s vai liderar. Por isso o que você deve aprender deste artigo é que o valor de mercado não é um indicador de sucesso, a atividade da comunidade é.


minerar ethereum

Minerar Ethereum se tornará mais difícil com ASICs e mais fácil com GPU

Os principais desenvolvedores do Ethereum (ETH) chegaram a um consenso para implementar um novo algoritmo de prova de trabalho (PoW) que aumentaria a eficiência da mineração baseada em GPU – em oposição à ASIC – na rede. O desenvolvimento foi discutido em uma reunião hoje, 4 de janeiro.

Durante a reunião, o desenvolvedor Hudson Jameson observou que tinha ouvido “muito pouca discordância” para implementar o “ProgPoW”, que até agora foi testado através de implementações de clientes executadas na rede de testes “Gangnam”. Como relatado anteriormente, um testnet é essencialmente uma versão simulada da rede primária que permite aos desenvolvedores testar upgrades ou executar contratos inteligentes sem ter que pagar “gás” (taxas de computação) para sua execução.

O que é um “ASIC”?

ASIC refere-se ao hardware de mineração que usa chips ASIC (Application-Specific Integrated Circuit), que são adaptados para minar eficientemente a criptomoeda com base em um algoritmo de hash específico. Enquanto isso, os setups que usam unidades de processamento gráfico (GPUs) são menos especializados e, portanto, até agora têm lutado para competir por recompensas na rede com aqueles que implantam ASICs.

Dois desenvolvedores da equipe do ProgPoW deram seus resumos de desenvolvimentos recentes para a especificação do algoritmo, que supostamente não só tornou um pouco mais difícil para os mineradores do ASIC, mas também estabilizaram os hashates.

O líder de segurança Martin Holst Swende deu sua opinião de que o ProgPoW é mais resistente tanto para ASICs quanto para certos aceleradores que podem ser usados ​​para configurações baseadas em GPU, e que uma mudança para ProgPoW “adiaria o nível de ASICs em nossa rede por pelo menos um ano em nossa rede, ou talvez mais. ”

Ele também observou que o atual algoritmo de PoW da Ethereum, o Ethash, “tem falhas que estão sendo visadas atualmente”, afirmando que “é por isso que eu gostaria de mudar o mais rápido possível para nos dar tempo para passar à prova de interesse”.

Como relatado, após evoluir através do protocolo híbrido PoS-PoW Casper, espera-se que Ethereum finalmente transite para PoS (Casper v2). Juntamente com o sharding, este último terá como objetivo mitigar o consumo excessivo de energia associado ao PoW, “problemas com acesso igual ao hardware de mineração, centralização do pool de mineração”, bem como fornecer uma solução de dimensionamento on-chain.

Hard Fork do Ethereum se aproxima

A reunião dos desenvolvedores hoje está bem à frente da implementação planejada da quinta atualização de todo o sistema da Ethereum, ou hard fork, apelidada de “Constantinopla“.

Os desenvolvedores se inclinaram para lançar o ProgPoW em algum momento antes do lançamento do hard fork planejado subsequente, como um upgrade independente, mas em todo o sistema – embora o momento exato para o ProgPoW continue a ser discutido na próxima reunião de desenvolvedores. .

O co-fundador da Ethereum, Vitalik Buterin, publicou recentemente extensos comentários sobre blockchains futuros com fragmentação baseada em prova de participação (PoS), afirmando que eles serão

nasdaq acoes

NASDAQ agora negocia Ações Digitais em exchange de criptomoedas

A Nasdaq fez uma parceria com uma plataforma de comércio digital da Estônia para lançar os primeiros estoques baseados em Ethereum baseados em leis da União Européia em 7 de janeiro

UE regulamentou negociação de ações na Ethereum

Em um comunicado de imprensa na quinta-feira, a DX Exchange confirmou que ofereceria aos usuários a opção de negociar ações de grande nome usando tokens no blockchain da Ethereum por meio de contratos inteligentes.

O produto de uma parceria multi-way, o lançamento fará DX a única exchange licenciada para oferecer produtos de estoque tokenized na UE

Bem vindo ao futuro: a era das “Ações Digitais”

“As ações digitais combinam o melhor dos dois mundos: tecnologia blockchain e investimentos tradicionais em ações”, diz o comunicado.

 As ações digitais são negociadas com paridade de 1:1 para ações do mundo real negociadas em bolsas de valores convencionais. Você adquire tokens de ativos líderes nos quais escolhe investir, como Google, Amazon etc. Por isso, quando você é um detentor de tokens, você possui ações da empresa.

https://twitter.com/DXdotExchange/status/1080405917500432385

A DX enfatizou que as novas ações foram equivalentes à exposição física, em contraste com os contratos de negociação por diferença (CFDs).

Site da exchange: https://dx.exchange/

btc escola1 7

Análise Técnica Bitcoin e Ethereum – 20/12/2018

Nossas previsões anteriores no que se refere a uma possível reversão começam a ganhar forma, porém ainda é bastante prematuro afirmar que entramos, de fato, em uma tendência de alta. Vejamos com mais detalhes abaixo.

O Bitcoin valorizou cerca de 5,7% nas últimas 24 horas, atingindo a máxima de US$ 4.120, além de registrar aumento de quase US$ 6 bilhões em sua capitalização de mercado.

No gráfico diário, todos os indicadores estão bullish a cusam movimento de alta que deverá fechar muito em breve próximo à casa dos US$ 4.370. Tanto RSI como Stoch e Chaikin apontam movimento de alta, assim como houve ruptura na média central dos Canais Donchian.

Além disso, houve interessante cruzamento entre médias móveis de 9 e 21 períodos, respectivamente. Sendo assim, após várias semanas de puro pessimismo, temos vários indicadores indicando crescimento em uníssono.

Caso haja fechamento de candle no diário acima dos US$ 4370, grandes chances de buscar aproximadamente US$ 4.800 no curto prazo.

O Ethereum valorizou cerca de 3,6% nas últimas 24 horas, com crescimento bastante expressivo em sua capitalização de mercado, algo em torno de um terço do conquistado pelo Bitcoin.

No preço atual de US$ 109, o ativo alcançou 61,8% da retração de Fibonacci e rompeu, também, a média central dos Canais Donchian. Tanto RSI como Stoch estão bastante otimistas e apontam busca aos 78,6% da retração, algo em torno de US$ 116 no curtíssimo prazo.

Caso este alvo de alta seja rompido acima dos US$ 116, deverá buscar o limite da retração em US$ 125,5.

Nós recomendamos fortemente comparar os gráficos diário com os de quatro horas de ambos os criptoativos para se mensurar o momento mais adequado de entrada/saída no curtíssimo prazo e evitar pequenas surpresas.

Convém citar que, até alcançarmos alvo de alta próximo a US$ 5.800 no Bitcoin, continuaremos dentro de um bear market extremamente perigoso. Recomenda-se pequenas operações até uma confirmação realmente clara de uma bull run.

btc escola1 6

Análise Técnica Bitcoin e Ethereum – 18/12/2018

O movimento impulsivo de ambos os criptoativos se mostrou menos pessimista do que parecia no gráfico de quatro horas, o que causou bastante euforia entre a maioria. Mas até onde vai, afinal?

O Bitcoin teve alta aproximada de 6,15% nas últimas 24 horas, alcançando valor máximo próximo a 3770 USD. Aos que operam no curtíssimo prazo, os indicadores principais deram várias dicas interessantes de entrada e saída.

No momento, tudo indica queda no gráfico de quatro horas após o criptoativo alcançar o alvo esperado de 61,8% na extensão de Fibonacci. Houve leve sobrecompra no RSI. No entanto agora todos os indicadores apontam sinais de atenção e forte possibilidade de divergência.

Não podemos descartar, ainda, novo teste de fundo em US$ 3.200. O problema é se esta resistência compradora for rompida; se isso ocorrer, poderá encontrar US$ 3.070, abaixo de um ponto de força compradora considerável formado no h4.

O Ethereum novamente valorizou algo próximo a 10,5% nas últimas 24 horas, com entrada de mais de 1 bilhão de dólares de capitalização de mercado.

O ativo atingiu 50% da retração de Fibonacci no gráfico de quatro horas e o candle de alta fechou consideravelmente menor que o anterior, além de ter formado uma Harami de Baixa.

Não podemos descartar a possibilidade de novo teste de fundo em US$ 91 nas próximas horas, no entanto. Toda cautela é necessária mediante a pesadíssima volatilidade enfrentada nos últimos três meses.

ethbtc escola 3

Análise Técnica Bitcoin e Ethereum – 17/12/2018

Houve considerável alta nos principais criptoativos. Porém o impulso registrado ainda é bastante insuficiente para se afirmar que as coisas estão prestes a mudar. Na verdade, ainda temos grandes indícios de que o movimento de baixa, por ora, ainda não cessou.

O Bitcoin valorizou cerca de 8,7% ao longo das últimas 24 horas e sua capitalização de mercado chegou a aproximadamente US$ 61,7 bilhões. Houve acréscimo de US$ 5 bilhões investidos no criptoativo. Por pouco o preço máximo não atingiu US$ 3.600.

No gráfico de quatro horas, temos três sinais de divergência bastante claros em RSI, Chaikin e Stoch que apontam queda. Segundo a retração de Fibonacci, o mercado sobrecomprou em uma margem bastante diminuta do indicador (38,2%), sinalizando baixíssimo impeto comprador no curtíssimo prazo.

É possível que, nos próximos dias, o fundo aproximado de US$ 3.200 seja testado novamente, uma vez que a força compradora ainda se mostra tímida.

O Ethereum teve valorização média de 10,5% nos preços nas últimas 24 horas, atingindo pico de valorização aproximado de US$ 96,7. Assim como o Bitcoin, a retração de Fibonacci registrou baixíssimo índice de recuperação compradora em 38,2%, o que corrobora com nossas afirmações: o Ethereum é refém das ondas impulsivas da obra de Satoshi Nakamoto.

Da mesma maneira que o Bitcoin, RSI e Stoch se mostram pessimistas e apontam queda no curtissimo prazo. Caso continue de tal maneira, tenderá a procurar novamente o fundo em US$ 81 USD. 

Caso nossa análise se mostre correta, teremos descoberto mais uma bear trap entre tantas outras ocorridas num passado nada distante. Todo o cuidado devido à pesada volatilidade dos criptoativos é pouco.

btc escola1 5

Análise Técnica Bitcoin e Ethereum – 15/12/2018

Nossos pedidos por cautela se mostram coerentes. Os dois principais criptoativos do mercado continuam em franco movimento de queda, sem quaisquer sinais de reversão consideráveis. 

O Bitcoin enfrentou queda de 1,30% nas últimas 24 horas, com preço mínimo registrado até o momento de 3140 USD. Conforme gráfico acima, os candles no gráfico de uma hora buscaram romper o triângulo descente, porém não obtiveram sucesso.

RSI continua bastante baixo e seus topos anteriores formam um padrão descendente bastante perigoso. Apesar de MACD apresentar divergência, não podemos ignorar os inúmeros sinais de reversão falsos ao longo das últimas semanas. Sendo assim, uma divergência maisi parruda, expressiva se faz necessária.

Caso o suporte comprador em 3000 USD seja rompido, as chances de os preços buscarem a casa dos 2400 USD não são pequenas. Tal movimento de queda, inclusive, confirmaria o perigoso padrão de queda formado pelo triângulo.

Não sugerimos realizar entradas até que tenhamos maiores informações de que encontramos o verdadeiro fundo dos preços. Até o presente momento, isso é impossível de se mensurar.

O Ethereum registra queda de 1,52% nas últimas 24 horas, seguido os passos de seu irmão mais velho.

A linha cor-de-rosa refere-se à linha de canal inferior rompida pelo movimento de queda, enquanto a linha amarela descreve o padrão descendente (LTB). Estas indicam fraqueza compradora expressiva, ainda que os principais indicadores do mercado tenham apontado, inúmeras vezes, o contrário.

Apesar de pouco provável, porém não impossível, não podemos descartar a possibilidade de o token alcançar valores entre 75 e 70 dólares nos próximos dias, caso não haja quaisquer indícios mais claros pelos candles.

A volatilidade dos criptoativos está tão perigosa que usuários que não possuam conhecimento técnico suficiente para embarcar no mercado devem, como sugestão, permanecer em moeda fiduciária e buscar conhecimento para se aproveitar melhor dos picos e vales descendentes que o mercado nos disponibiliza para realizarmos nossos lucros. 

Por outro lado, os estudiosos estão conseguindo retornos interessantes operando altcoins com o Bitcoin como base, visto que diversas outras criptomoedas não estão acompanhando de mãos dadas a volatilidade do Bitcoin, assim como sempre fez o Ethereum.

ethbtc escola 2 e1544663903221

Análise Técnica Bitcoin e Ethereum – 13/12/2018

Sabe aqueles dias em que você acorda, porém não faz a menor ideia por onde começar e, por fim, acaba não fazendo nada? Assim se sentiu a movimentação dos preços do mercado. Hoje não passa de uma breve atualização, uma vez que nada de muito relevante aconteceu.

Conforme análise anterior, ainda aguardamos por respostas positivas (ou negativas) do mercado a fim de podermos entender que houve alguma possibilidade de reversão ou continuidade de tendência de baixa. Lateralizações sobre indicadores importantes como Fibonacci causam sempre grande insegurança, e não é por menos.

O Bitcoin fechou o dia próximo a 3420 USD, registrando alta aproximada de 1,4% nas últimas 24 horas. No gráfico diário, encontramos fortíssima lateralização a seis dias, indicando incerteza de que direção será tomada.

ADX apresenta cruzamento entre DI- e DI+ e aponta possível perda de força vendedora no h4. Os candles parecem estar formando fundo duplo, forte indicador de reversão. Caso este padrão seja confirmado, haverá possibilidade de venda próxima a 3800 USD. Caso negativo, a lateralização poderá se estender por mais algum tempo.

O Ethereum registrou alta aproximada de 1,8% nas últimas 24 horas, também sem grandes novidades no gráfico h4. Movimentações sem vitalidade definem a lateralização nos preços do ativo.

É curioso como, no gráfico diário, o mercado parece não querer romper a linha de canal que define a resistência compradora. Isso é um bom sinal e é corroborado, em princípio, com Chaikin e RSI apontando divergência. Mas ainda é bastante cedo para convicções, uma vez que não há sinais claros por candles.

Sendo assim, recomendamos manter a proposta de nossa análise anterior e experimentar entradas em apresentações de divergência mais sólidas.